Qual o Turnover mais comum durante a Pick Six 2019 ?

Qual o Turnover mais comum durante a Pick Six 2019 ?

Seguindo a ideia de estudar mais os números no FABR, o Primeira Descida foi atrás de analisar novamente o fator do turnover em São Paulo vamos nos basear na Pick Six Cup 2019. Ao todo, analisamos  30 partidas para a construção da matéria. Esperamos que, com essas matérias, possamos colaborar com um estudo voltado totalmente ao Futebol Americano nacional.

Partidas Analisadas

Todos os jogos que estão presentes nessa matéria estão disponíveis no Youtube da Pick Six Cup. Reforçamos que algumas partidas de 2019 não foram filmadas e nem tiveram estatísticas produzidas, portanto, não serão computadas. Confira todos os jogos e os turnovers de cada uma delas:

São Bernardo Avengers 43 x 0 Tatuapé Black Panthers – Playoffs

Avengers – 0

Panthers – 2 Interceptações sofridas

Scelta Guardians 35  x 0 Orange Machine

Guardians – 0

Orange – 1 Interceptação e um 1 Fumble sofrido

Corinthians Steamrollers 15 x 21 Caraguá  GhostShip

GhostShip – 1 Fumble sofrido

Steamrollers – 1 Interceptação e um 1 Fumble sofrido

Cruzeiro Guardians 40 x 00 Cajamar Hunters

Hunters – 2 Interceptações sofridas

Cruzeiro – 1 Interceptação sofrida

ABC Corsários 00 x 27 Mauá Vikings

Corsários – 2 Fumbles e 1 Interceptação sofridos

Vikings – 1 Interceptação sofrida

Tatuapé Monsters 02 x 21 Tatuapé Black Panthers

Monsters – 4 Fumbles e uma 1 Interceptação sofrida

Panthers – 1 Interceptação sofrida

São Bernardo Avengers 52 x 00 ABC Corsários

Avengers – 2 Interceptações sofrida

Corsários – 1 Interceptações e 4 fumbles sofridos

São Roque Fighters 40 x 00 Cajamar Hunters

Fighters – 1 Fumble sofrido

Hunters – 1 Interceptação e 2 Fumbles sofridos

Werewolves Football 22 x 17 ABC Corsários

Werewolves – 1 Fumble sofrido

Corsários – 2 Fumbles sofridos

Tatuapé Monsters 00 x 25 Caraguá GhostShip

Monsters – 3 Interceptações sofridas

GhostShip– 1 Interceptação e 1 Fumble sofrido

Cruzeiro Guardians 00 x 09 São José Jets

Cruzeiro – 1 Interceptação sofrida

Scelta Guardians 44 x 00 Corinthians Steamrollers

Guardians – 0

Steamrollers – 2 Interceptações sofridas

São José Jets 48 x 00 Cajamar Hunters

Hunters – 5 Interceptações e 2 Fumbles sofridos

Jets – 1 Interceptação sofrida

Cajamar Hunters 06 x 00 Orange Machine

Hunters – 1 Interceptação sofrida 

Orange – 4 Interceptações sofridas

São Bernardo Avengers 51 x 06 Tatuapé Black Panthers

Avengers – 1 Fumble sofrido

Panthers – 2 Interceptações e 2 Fumbles sofridos

Mauá Vikings 17 x 00 Tatuapé Black Panthers

Vikings – 2 Fumbles sofridos

Scelta Guardians 14 x 07 São Bernardo Avengers

Guardians – 2 Interceptações sofridas

Avengers – 1 Interceptação sofrida

São Roque Fighters 06 x 32 Scelta Guardians

Fighters – 1 Interceptação sofrida

Guardians – 2 Interceptações sofridas

Corinthians Steamrollers 27 x 06 Orange Machine

Steamrollers – 1 Interceptação sofrida

Orange – 0

São Bernardo Avengers 07 x 06 Mauá Vikings

Avengers – 1 Interceptação e 1 Fumble sofrido

Vikings – 1 Fumble sofrido

Werewolves Football 32 x 06 Tatuapé Black Panthers

Werewolves – 1 Interceptação sofrida 

Panthers – 1 Interceptação sofrida

São Bernardo Avengers 31 x 08 Werewolves Football

Werewolves – 1 Fumble sofrido

Avengers – 1 Interceptação sofrida

Orange Machine 14 x 22 São Roque Fighters

Fighters – 2 Fumbles sofridos

Orange – 2 Interceptações sofridas

Tatuapé Monsters 28 x 20 ABC Corsários

Monsters – 1 Interceptação sofrida

Corsários – 1 Interceptação sofrida

Scelta Guardians 35 x 00 Tatuapé Monsters

Guardians – 1 Interceptação sofrida

Monsters – 1 Interceptação sofrida

Cruzeiro Guardians 15 x 12 São José Jets – Playoffs

Cruzeiro – 2 Interceptações sofridas

Jets – 1 Interceptação e 1 Fumble sofrido

Cruzeiro Guardians 39 x 00 Tatuapé Monsters

Cruzeiro – 1 Fumble sofrido

Monsters – 1 Fumble sofrido

Caraguá GhostShip 06  x 35 São José Jets

GhostShip – 0

Jets – 0

Corinthians Steamrolers 07 x 07 São Roque Fighters

Fighters – 2 Fumbles sofridos

Steamrollers – 2 Interceptações sofridas

Maua Vikings 07 x 26 Werewolves Football 

Werewolves – 1 Interceptação e 2 Fumbles sofridos

Vikings – 2 Interceptações e 1 Fumble sofrido

Fumbles

Dentro dessas 30 partidas, foram 40 fumbles sofridos pelas equipes, uma média de 1,33 por jogo. Porém, diversas partidas foram marcadas somente por interceptações, enquanto outras chegaram a ter 3 ou quatro fumbles. Ao nos aprofundarmos e olharmos as equipes, somente uma passou ilesa de sofrer com esse turnover, o Scelta Guardians, que se consagrou como campeão da competição. 

Posição Equipe Nº Fumbles
1 Scelta Guardians 0
2 Cruzeiro Guardians 1
3 São José Jets 1
4 Corinthians Steamrollers 1
5 Orange Machine 1
6 São Bernardo Avengers 2
7 Tatuapé Black Panthers 2
8 Caraguá GhostShip 2
9 Mauá Vikings 4
10 Werewolves Football 4
11 Cajamar Hunters 4
12 Fighters 5
13 Tatuapé Monsters 5
14 ABC Corsários 8

Interceptações

Enquanto fumbles foram responsáveis por 41,6% dos turnovers, as 59 interceptações completam os outros 58,4%. Em média, foram quase 2 interceptações por jogo em 2019. Nesse quesito, nenhuma equipe conseguiu terminar o campeonato sem sofrer pelo menos uma.

Posição Equipe Nº Interceptações
1 Fighters 1
2 Caraguá GhostShip 1
3 São José Jets 2
4 Werewolves Football 2
5 Mauá Vikings 3
6 ABC Corsários 3
7 Cruzeiro Guardians 4
8 Scelta Guardians 5
9 São Bernardo Avengers 5
10 Tatuapé Black Panthers 6
11 Corinthians Steamrollers 6
12 Tatuapé Monsters 6
13 Orange Machine 7
14 Cajamar Hunters 9

Turnover on downs

Segundo as métricas usadas para a coleta de estatísticas, quando uma equipe arrisca uma quarta descida e perde a posse de bola, seja por passe incompleto ou por simplesmente não atingir a marca de primeira descida, o turnover on downs é computado. Porém, o mesmo não entra na estatística de turnover, a menos que o time seja interceptado durante a tentativa de quarta descida ou que tenha um punt ou field goal bloqueado.

Comparação com a SPFL

Se você ainda não leu nossa análise sobre o efeito do turnover na SPFL 2019, recomendamos a leitura para entender essa parte da matéria. Assim como o torneio que acontece no primeiro semestre, a maioria das vitórias ficou com a equipe que sofreu menos turnovers na partida. Porém, enquanto na SPFL houve somente dois resultados favoreceram aos que “erraram” mais nesse quesito, a Pick Six Cup teve cinco times vencendo suas partidas neste cenário. Foram elas:

  • Mauá Vikings x Tatuapé Black Panthers;
  • Scelta Guardians x São Bernardo Avengers;
  • São Roque Fighters x Scelta Guardians;
  • Corinthians Steamrollers x Orange Machine;
  • São Bernardo Avengers x Mauá Vikings.

Outro fator interessante foram as partidas com o mesmo número de turnovers para ambos os lados, que ocorreu em  10 partidas. Nas 16 partidas restantes, a equipe vencedora da partida foi melhor nesse quesito que seu adversário.  A única partida vencida pelo Cajamar Hunters em 2019 (incluindo SPFL e Pick Six) pode ser um exemplo sobre o efeito de turnover. Quando venceu a Orange Machine, a equipe teve seu primeiro duelo onde forçou mais interceptações do que sofreu.

Outras curiosidades da Pick Six Cup 2019

  • A equipe do Werewolves foi a única equipe a não chutar extra points na competição. O time do ABC optou em arriscar a conversão de dois pontos em todas as oportunidades.
  • O duelo na primeira fase entre Caraguá GhostShip e São José Jets foi o único da competição que não teve nenhum turnover.
  • Cajamar Hunters e São José Jets tiveram o confronto com mais turnovers, totalizando 8. Na mesma partida, a equipe de Cajamar teve o recorde de interceptações em uma só partida, com cinco.
  • Já quando computamos fumbles, tivemos um empate. Monsters e Corsários tiveram cada um quatro fumbles em uma única só partida.

Matheus Ornellas

25 anos, estudante de jornalismo. Redator, editor, produtor e editor de vídeos do Primeira Descida, além de ter o próprio blog voltado para esportes americanos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *